Datafolha mostra que Bolsonaro lidera entre o segmento evangélico, com 69% dos votos válidos

Entre as muitas análises feitas a partir da pesquisa divulgada pelo Datafolha nesta quinta-feira (25), uma delas chama atenção pelo inusitado. Os pesquisadores do instituto perguntaram aos eleitores: “Quando você pensa no Brasil de hoje em dia, você se sente…”.

Na média de todas as religiões, 74% se diz entristecido. Porém, o índice chega a 76% entre evangélicos. Já entre os católicos, 72% demonstram tristeza.

Questionados sobre estarem “tranquilos ou com raiva”, a diferença é praticamente a mesma, com 59% dos eleitores dos dois segmentos declarado estar enraivecido com a situação atual do país.

Segundo os últimos números divulgados pelo IBGE, os católicos são 56% da população brasileira, enquanto os evangélicos totalizam 30%. Os demais se dividem em uma série de grupos religiosos menores.

Bolsonaro mantém liderança entre os evangélicos

O recorte da pesquisa, na subseção “religião” aponta que Fernando Haddad (PT) tem apenas 31% das intenções de votos no segmento evangélico. Ele oscilou dentro da margem de erro. Eram 29% na semana passada.

Seu adversário, Jair Bolsonaro (PSL) foi de 71% para 69% entre essa parcela do eleitorado, também dentro da margem, que é de dois pontos percentuais.

Entre os católicos, Bolsonaro tem 51% e Haddad subiu para 49%, indicando um aumento desde o último levantamento.

O levantamento ouviu 9.173 eleitores em 341 municípios. Está registrado na Justiça Eleitoral sob o protocolo BR-05743/2018.

Fonte: https://noticias.gospelprime.com.br

Leave a Reply

Your email address will not be published.