O pastor norte-americano Marshall Shelley explica que para um amadurecimento espiritual, é necessária a participação de outras pessoas.

Eu realmente preciso pertencer a uma igreja para ser um cristão? A fé algo pessoal, então por que eu não posso apenas ter um relacionamento individual com Deus?

Muitas pessoas fazem essa pergunta — geralmente depois de uma experiência ruim com outros cristãos. A melhor resposta que eu conheço está na história de um soldado egípcio do século IV, chamado Pacômio.

Determinado a crescer em sua fé, Pacômio fez o que muitos cristãos sérios fariam naqueles dias. Ele se tornou um eremita: permaneceu sozinho no deserto, jejuando, orando e recebendo visões de Deus.

No entanto, um tempo depois, Pacômio começou a se questionar: Como eu poderei aprender a amar se não há ninguém por perto? Como vou aprender sobre a humildade se vivo sozinho? É possível aprender a ter paciência e bondade estando isolado?

Ele percebeu que para que os frutos espirituais fossem desenvolvidos, era necessário que ele estivesse perto de pessoas. Pacômio encerrou sua vida de eremita e formou um dos primeiros mosteiros. “Para salvar as almas, você deve trazê-las para perto”, disse ele.

A construção de um amadurecimento espiritual requer a participação de outras pessoas, mas não apenas aquelas que você escolhe ficar. O amor de Deus é melhor aprendido quando temos de estar próximos de pessoas que não são nossas amigas.

Viver em torno de pessoas que gostamos é muito fácil. Fazer a vida com pessoas que não escolhemos é mais desafiador e nos obriga a crescer. Não temos escolhemos quem seriam nossos pais, irmãos ou irmãs; ainda assim, se espera que você os ame.

Não podemos escolher quem vai ou não estar em nossa família espiritual. Qualquer um que professa Jesus como Senhor é bem-vindo na igreja, onde nos incentivamos e desafiamos uns aos outros a crescer na fé.

Viver neste ambiente desafiador, mas gratificante, nos ajuda a crescer e aprender sobre o amor, a humildade e os frutos que o Senhor nos chama para produzirmos (Gálatas 5:22-23).

A Bíblia diz que os cristãos são diferentes membros de um único corpo (Romanos 12: 4-8). Você pode ter um olho sem pescoço, ou um pé sem o joelho? Se você for um membro desligado do corpo, você não vai funcionar direito.

Ser cristão significa contribuir para o organismo, deixando que ele também contribua para a sua vida, apresentando o ensino e a correção. Você pode ser cristão sem igreja? Eu suponho que sim. Mas que tipo de cristão você seria?

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE IGNITE YOUR FAITH

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.