Uma mulher do Arizona (EUA) documentou sua chocante transformação em uma postagem no Facebook. De viciada em drogas para uma aspirante a pregadora em prisões. Sua imagem ganhou a internet nos últimos dias e ela afirma que Deus salvou sua vida.

Dejah Hall disse que no dia 6 de dezembro de 2012 ela finalmente atingiu o fundo do poço, mas teve a ajuda que precisava. A mulher que era viciada em metanfetamina, cocaína e heroína, disse que sua vida tinha ficado completamente fora de controle.

“Eu era um monstro em todos os sentidos da palavra”, disse ela para uma emissora de TV local. Hall disse que sua dependência nas drogas começou com pílulas e “simplesmente foi ficando cada vez pior”. Isso fez com que ela usasse heroína até chegar em um ponto da vida onde ela não sabia se estava viva ou morta.

Mas foi uma conversa sincera com seu avô que fez com que ela tomasse uma séria decisão. “Meu avô estava sentado em sua cadeira de rodas, ele olhou para mim e disse: ‘Você está me machucando, Dejah'”, lembrou. “Eu realmente olhei para quem eu tinha me tornado, uma pessoa nojenta”, contou.

Então ela fez uma promessa ao seu avô que ela iria melhorar e horas mais tarde ela foi presa. Foi lá onde ela encontrou Deus, abandonou as drogas e mudou sua vida para melhor.

Transformada

No dia 6 de dezembro de 2016 – quatro anos depois que ela ficou sóbria – Hall postou uma imagem em sua página no Facebook que rapidamente se ganhou a web. Ela compartilhou uma nota sobre sua sobriedade, juntamente com algumas fotos chocantes com antes e depois, mostrando como as drogas tinham tomado conta dela.

“Hoje completo quatro anos sem drogas, heroína e metanfetamina. No lado esquerdo estou em um vício total. Eu era uma terrível usuária e como a maioria, só foi piorando”, escreveu ela. “Na parte inferior esquerda mostra o dia em que fui presa e coincidentemente o dia em que finalmente me entreguei a Deus!”, contou.

Hoje, ela é mãe de uma menina de 18 meses e está perto de ter seu diploma universitário. Hall espera se tornar uma ministra em prisões, para que ela possa ajudar outras pessoas que enfrentam lutas semelhantes. “Todos os dias eu agradeço a Deus por não estar onde eu estava” escreveu.

Hall disse que queria deixar claro que, embora alguns meios de comunicação não tenham incluído seus comentários sobre Deus, foi a sua fé que a tirou do vício e mudou sua vida. “Só para ser clara, eu não cheguei aqui sem o amor e apoio de meu Senhor e Salvador Jesus Cristo”, escreveu. Hall começará a trabalhar em janeiro como conselheira de drogas e álcool em uma organização comunitária.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHARISMA NEWS

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.