Detidos e sem saber do que são acusados, eles aguardam julgamento

 Fonte: portasabertas

No último domingo (10), membros da segurança nacional do Irã invadiram a igreja doméstica reunida em Rasht, onde o pastor Matias Haknejad estava ministrando, e o prenderam. Ele é casado e tem uma filha. A prisão do pastor Matias vem logo após a prisão de dois cristãos ex-muçulmanos da mesma igreja, Kalil Dehkanpour e Hossein Kadivar, presos em 30 de janeiro.

Kalil e Hossein também são casados e foram transferidos para a prisão de Lakan no dia 10. Assim como o pastor Matias, eles continuam detidos. Ainda não se sabe quais são as acusações contra eles, mas acredita-se que sejam levados a julgamento em breve. Ore por esses três cristãos perseguidos, para que fiquem firmes na fé durante o tempo de detenção e interrogatórios.

Clame para que sejam liberados e voltem para casa em breve. Interceda também pelo conforto do Senhor para suas famílias e para que a Igreja Perseguida do Irã, 9º colocado na Lista Mundial da Perseguição 2019, possa servir a Deus em liberdade sem ser importunada pelo governo.

República Islâmica do Irã

 REPÚBLICA ISLÂMICA DO IRÃ

  • Tipo de Perseguição: Opressão islâmica
  • Capital Teerã
  • Região Oriente Médio
  • Líder Hassan Rohani
  • Governo República teocrática
  • Religião Islamismo (oficial), outras (incluindo zoroastrismo, judaísmo e cristianismo)
  • Pontuação 85

POPULAÇÃO
82.0 MILHÕES

POPULAÇÃO CRISTÃ
800.0 MIL

Fonte: Middle East Concern

Leave a Reply

Your email address will not be published.