As explosões atingiram três igrejas e dois hotéis neste domingo de Páscoa, matando pelo menos 48 pessoas e ferindo centenas

Fonte: portasabertas

As explosões ocorreram na Igreja de Santo Antônio em Kochcikade, Colombo, na Igreja de São Sebastião em Negombo, na Igreja de Sião em Batticaloa, no Kingsbury Hotel e no Cinnamon Grand Hotel em Colombo.

Vinte e três foram encontrados mortos e 280 foram hospitalizados do ataque de Santo Antônio, enquanto 25 pessoas foram confirmadas como mortas em Batticaloa e 300 feridas, de acordo com relatos locais.

De acordo com Sunil*, um colaborador da Portas Abertas, mais três explosivos foram encontrados em outras igrejas e hotéis, mas esta informação ainda não foi confirmada oficialmente. “Este é um momento muito doloroso para os cristãos neste país”, ele compartilha. “Nós não sabemos quem fez isso ou o porquê ainda. A Igreja de Sião é uma das maiores igrejas de Batticaloa. Por favor, orem.”

Segundo a Reuters, as explosões, algumas das quais autoridades disseram que foram ataques suicidas, levaram a uma repressão imediata. O governo declarou toque de recolher e bloqueou o acesso à maioria das principais redes sociais e sites de mensagens.

Sri Lanka ocupa a 46ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2019 e assim como em outros países onde existe perseguição, os cristãos ficam mais vulneráveis a ataques no período da Páscoa e em outros feriados cristãos. Atualmente, mais de 245 milhões de cristãos são perseguidos no mundo.

PEDIDOS DE ORAÇÃO

  • Pelas vítimas e familiares das vítimas fatais. Ore por cura para aqueles que foram feridos e conforto para as famílias que experimentam a dor da perda.
  • Peça a Deus que a Igreja no Sri Lanka seja uma fonte de luz e conforto nesse momento difícil.
  • Ore pelo governo do Sri Lanka enquanto eles investigam os ataques, que a justiça do Senhor prevaleça.
  • Clame pela equipe de campo da Portas Abertas e parceiros do Sri Lanka, para que o Senhor lhes dê sabedoria, ao discernir a melhor maneira de ajudar e ministrar às vítimas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.