O carro de Joseph sofreu uma forte explosão e foi tomado pelas chamas. No entanto, seu banco não foi atingido e ele saiu ileso.

Um pastor que vive em Bagdá, na capital do Iraque, foi alvo de um atentado em seu próprio carro, mas saiu milagrosamente ileso das chamas que assolaram o veículo.

Joseph estava à caminho da igreja onde atua como pastor quando percebeu que havia algo diferente em seu carro. Inesperadamente, o automóvel sofreu uma forte explosão e foi tomado pelas chamas.

“Eu fiquei totalmente confuso e não conseguia enxergar bem”, disse o jovem pastor à organização Portas Abertas, lembrando dos minutos seguintes ao ataque.

Embora a explosão tenha deixado Joseph desorientado, ele conseguiu ouvir a voz de uma mulher, que gritava: “Este homem está morrendo!”. Nesse instante, o pastor concluiu que estava prestes a perder a vida.

No entanto, contra todas as probabilidades, o pastor Joseph foi capaz de sair do veículo rapidamente queimando. Seus olhos voltaram no tempo para ele para ver os destroços em chamas.

“Cada parte do meu carro foi destruída e danificada, exceto o meu lugar”, lembra o pastor Joseph. “Eu não tinha arranhões. O carro estava em chamas, mas eu não me queimei. Eu encontrei pedaços de vidro no meu cabelo e quatro partes da bomba no lenço que eu usava no pescoço. Como se um lenço pudesse parar uma bomba… Nada me tocou, eu não perdi sequer uma gota de sangue”.

O jovem pastor ficou impressionado pela forma como sua vida foi poupada. Ele tem convicção de que está vivo por um milagre. “Deus me deu um tempo adicional. Ele colocou Sua marca no meu ministério. Ele disse: ‘Vá em frente’. Deus me incentivou naquele dia”.

Sete anos mais tarde, o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) tomou o controle de muitas partes do Iraque. Enquanto isso, os muçulmanos começaram a se voltar para Jesus Cristo em números surpreendentes. Foi quando o pastor Joseph entendeu por que Deus queria que ele ficasse em Bagdá.

“Quando alguém me pergunta por que eu continuo com a minha família em Bagdá, conto esta história”, ele afirma.

Perseverança

“Há violência em todos os lugares e perseguição em toda parte. Nós sofremos as mesmas coisas que todas as pessoas aqui sofrem. Mas queremos estar com elas”, explica o pastor.

Joseph é casado e tem dois filhos. Sua família vê com frequência pessoas se rendendo a Cristo, apesar de todos os desafios e conflitos. “Nós temos novos convertidos, pessoas que nasceram de novo. Isso é um desafio, porque traz uma nova cultura para a igreja”.

O pastor Joseph sabe que sua vida está constantemente em risco, mas acredita que este é o lugar onde Deus quer que ele esteja. “Nós gostamos de ser como uma Menorá. Nós somos um pequeno grupo, mas confiamos em nosso Deus. Ele pode nos usar. Nós vemos que todos estão buscando paz, amor e esperança. Nós, como igreja, estamos compartilhando a fonte dessas coisas. Quando eles nos ouvem falar sobre isso, eles escutam”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE PORTAS ABERTAS

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.