O empresário e apresentador de TV Silvio Santos afirmou que sua família, evangélica, vive tentando convertê-lo, mas ele prefere preservar o pacto de seu povo, judeu, com Deus.

A declaração foi feita no programa que leva seu nome no último domingo, 13 de março, no SBT, durante o quadro “Jogo dos Pontinhos”.

“Eu sou o único judeu na minha casa. Lá são todos evangélicos. Eles querem me convencer, mas eu não posso. Eu tenho um pacto com Deus, não posso. Eu dou tanta sorte que Deus me abraçou, me beijou e me pegou no colo”, brincou o apresentador, referindo-se ao evangelismo feito pela esposa, Irís Abravanel, e suas filhas.

Irís, que é autora de novelas na emissora do marido, revelou que ora com Silvio Santos, e que ele gosta desses momentos, mesmo se mantendo firme em sua religião ancestral: “Eu nunca seria judia. As meninas (filhas) aprenderam hebraico e fizeram Bar Mitzvah, acho bacana. O Silvio é judeu, vai à sinagoga, mas ele está quase vendo que o Messias… quando a gente ora, o Silvio se sente muito bem. Às vezes, ele pede para a Patrícia orar”, revelou a escritora, em uma entrevista concedida em 2012.

Por fim, Irís diz que não se filiou a nenhuma denominação específica, mas que já frequentou algumas: “Não sigo uma igreja específica. Nunca imaginava que um dia eu seria crente na vida. Mas, desde a conversão, eu me enfiava em qualquer garagem onde se falava de Jesus. Queria aprender. A primeira igreja em que estive foi a Assembleia de Deus. A segunda, a Congregação. Lembro que fui de saia e Bíblia na mão (risos)”, concluiu. Fonte: http://noticias.gospelmais.com.br/

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.