Jerron nasceu com paralisia cerebral, mas nunca encarou sua deficiência como um defeito, mas sim como uma habilidade.

O americano Jerron Herman, de 26 anos, nasceu com paralisia cerebral, um distúrbio que poderia impedi-lo de viver os seus sonhos no mundo das artes. No entanto, a fé em Jesus Cristo permitiu que o jovem alcançasse o impossível.

No começo, Herman queria se tornar um escritor profissional ou trabalhar com teatro. Mas durante a faculdade, ele descobriu seu talento para a dança. “Ser dançarino não algo que eu escolhi”, disse ele ao site Faithwire. “Foram uma série de convites que levaram a uma carreira”.

O primeiro convite surgiu do coreógrafo Sean Curran, que conheceu Herman enquanto ele trabalhava como aprendiz no Teatro New Victory, em Nova York. Enquanto terminava a faculdade, Herman se juntou à Companhia de Dança Heidi Latsky, onde trabalha atualmente como dançarino em tempo integral.

O dançarino revela que sua fé tem desempenhado um grande papel na formação de suas atividades profissionais e criativas. “Eu cresci em um lar cristão, onde fui ensinado que Deus é o autor da paralisia. Isso nunca foi tratado como uma ‘falta’. Minha deficiência não era um defeito — era uma habilidade”.

“Enquanto isso, minha fé continuou crescendo”, Herman continuou. “Estou mais em sintonia com a ideia de que a deficiência é a minha declaração, é o que me conecta com diferentes pessoas e comunidades. É provavelmente a maior ferramenta que eu tenho para pregar o Evangelho, mas também para defender o amor de Deus e o que Ele tem reservado para todos”.

Herman cresceu firmado no princípio bíblico de que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e foram chamados de acordo com o seu propósito (Romanos 8:28). Quando se tratava de sua paralisia cerebral, ele nunca teve dúvidas de que Deus usaria isso para sua glória.


Jerron nunca encarou sua deficiência como defeito, mas como uma habilidade. (Foto:Daniel Kim)

Um dos maiores objetivos de Herman é ajudar a mudar a maneira “superficial” como os cristãos são percebidos na indústria artística. Ele acredita que somente a fé em Cristo oferece um propósito real às emoções e frustrações das pessoas, oferecendo a elas esperança e uma visão do futuro.

“Há algo faltando na vida criativa das pessoas”, disse ele. “Eu percebo que as pessoas estão se afundando na auto piedade. Eu gostaria de criar um trabalho que gera uma reflexão, mas que também incentiva”.

Apesar dos obstáculos que Herman enfrentou para chegar onde está, ele reconhece a fidelidade de Deus. “Creia e confie em Deus. Esse tem sido o emblema da minha vida”, afirma.

“Eu sei que as pessoas passam por verdadeiras barreiras. Mas também existe um verdadeiro Deus, que cuida de sua vida, de seu coração e das coisas que você quer realizar. Não é como se ele fosse um gênio da lâmpada, mas Ele entra em uma parceria com você para o cumprimento de Seu propósito, que acaba se tornando o roteiro necessário para viver uma vida plena”, acrescentou.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE FAITHWIRE

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.