Depois de sofrer quatro abortos espontâneos e ver o seu bebê nascer morto em uma das gestações, Dana e seu marido Arkell Graves já estavam se conformando com o fato de que eles nunca seriam pais biológicos.

Sendo assim, o casal que vive em Dinwiddie, Virginia (EUA), adotou um filho chamado Keelyn, a quem eles se referem hoje como o seu “primeiro milagre”. Já felizes com a adoção do novo membro da família, o casal não tinha ideia que Deus ainda reservava mais milagres para o seu lar.

Para ajudar a superar o trauma de todos os abortos, Dana começou a praticar caminhadas regularmente com seus amigos, na esperança de perder peso. Mas ao contrário deles, ela não estava vendo o resultado esperado. Curiosa para descobrir o que estava acontecendo, Dana procurou seu médico e a notícia que ele deu a ela veio como uma agradável surpresa: ela estava grávida de cinco meses.

“Eu estava em êxtase”, disse ela ao site KDVR. “Nós não tínhamos planejado nada, nem estávamos mais tentando”.

Dana e Arkell tornaram-se o tema de um vídeo que se tornou viral no ano passado. Nele, Dana surpreende o marido com a notícia, fazendo uma brincadeira, na qual coloca pães no forno e uma imagem do ultrassom ao lado dos pães.

Quando Arkell entendeu a notícia, ele ficou tão em êxtase que ele não conseguia dizer nada além de “Você está grávida” e repetia a frase.

Agora, um ano depois do emocionante vídeo com o anúncio da gravidez de Dana, seu filho Kaleb Graves foi finalmente liberado da unidade neonatal de cuidados intensivos.

Para celebrar mais esta conquista, o casal teve um tratamento especial, saindo do hospital em uma limusine de volta para sua casa.

“Kaleb está na estrada e agora está dormindo em sua primeira viagem de carro para casa”, postou o casal no Facebook. “Nós damos a Deus todo o louvor!”.

Kaleb nasceu no dia 20 de outubro de 2015, 16 semanas antes da data prevista para o parto e apenas alguns dias após o anúncio de sua “milagrosa concepção”. Apesar de todas as complicações que enfrentaram com o nascimento de Kaleb, Dana e Arkell nunca perderam a fé em Deus e sempre expressavam sua gratidão a Ele.

“Durante este último ano eu tive alguns momentos difíceis, emocionalmente falando. Eu questionei a minha fé e eu questionei Deus. Mas eu nunca perdi a fé em Deus. A cada dia Ele me acalmava, me fortalecia um pouco mais e acalmava minha ansiedade”, disse Dana.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN TODAY

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.